Amigos

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Pizza de Crepioca à minha moda


Fiz essa massinha pra poder acompanhar a família no dia da pizza aqui em casa. Como estou evitando a farinha branca, pensei em usar a tapioca com ovo, que até então eu não sabia que era chamada de crepioca. Acrescentei mais alguns ingredientes e ficou uma delícia.... Deixei todos com vontade de comer minha versão!


Ingredientes:
- 1 ovo
- 4 col. de sopa de massa de tapioca
- 1 col. de sopa de requeijão (opcional, mas faz toda a diferença)
- 1 col. de sopa de queijo ralado
- 1 fatia de queijo musarella picadinho
- sal à gosto
- orégano


COBERTURA:
à gosto. (Usei molho bolonhesa, queijo mussarella e tomate cereja com tomilho fresco)

Modo de Preparo: Bata o ovo com um garfo, adicione a tapioca e misture bem, acrescente o requeijão. Quando ficar bem misturado, adicione os demais ingredientes. Leve à uma frigideira anti-aderente até secar, vire se necessário. Depois de pronta, coloque seu molho favorito, cubra com queijo, e deixe em fogo baixo com a frigideira tampada até derreter o queijo.

Essa receita tem me salvado na hora do café, poios dá pra comer sem a cobertura, purinha mesmo. Lembra uma panqueca com gostinho de pão de queijo.

E pra alegrar essa postagem, deixo essa linda flor que ganhei anos atrás de uma prima querida, a Ritinha Fric, ela que fez o layout do blog. Floresceu apenas uma vez, e esse ano está assim, abertona e cheia de botões!

Tem muita beleza à nossa volta! A cor dela é incrível!






terça-feira, 25 de outubro de 2016

BOLO DE MILHO FOFÍSSIMO - DE LIQUIDIFICADOR


Essa receita maravilhosa já passou aqui no blog, mas ontem a tarde fiz essa delícia e não lembrava o quanto era bom, ainda mais com essa calda de coco!

Ingredientes:
- 3 ovos
- 1 xícara de chá de açúcar
- 1/2 xícara de chá de óleo
- 1 xícara de chá de leite (
- 1 xícara de chá de farinha de trigo
- 1 xícara de chá de farinha de milho
- 1 colher de sopa de fermento em pó
- 50gr de coco ralado (opcional na massa)

Cobertura:
- 50gr de coco ralado para a cobertura
- meia xícara de leite
- 1 xícara de açúcar

Mode de Preparo:
Bater os ovos, o óleo e o leite no liquidificador.Acrescentar o açúcar, a farinha de trigo, a farinha de milho, o coco e por último o fermento. Colocar a massa em assadeira untada e polvilhada. Levar ao forno pré-aquecido 180 graus. Após uns 30 minutos, espetar o palito e se sair limpo está pronto.
Depois de desenformado, fure o bolo e vá colocando a calda de coco sobre ele ainda quente.

Modo de Preparo da Cobertura:
Misture os ingredientes na panela e vá mexendo até engrossar.





E falando simples, deixo o registro desta adorável saracura que vem comer o milho das minhas galinhas pela manhã e no meio da tarde....



sexta-feira, 23 de setembro de 2016

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Os beijos da Gigi - Sobre beijos na escola



O primeiro ano da Gigi na escola está sendo bem tranquilo. Se adaptou super bem e ama a escola, as profes, os colegas...
 Ela desejava ir desde o ano passado, mas precisava ter idade para ingressar no maternal. Então a vontade se juntou com a realização de estar finalmente na escola e foi tudo tranquilo. 

Porém, com seu jeito carinhoso, ela tem de certa forma se excedido um pouco com relação aos seus beijos... Foi chamada a atenção dela, pois andava dando beijos na boca...

Numa conversa tranquila, consegui expor de forma simples que CRIANÇAS NÃO NAMORAM, e que beijos na boca são dados pelos adultos que se namoram. Ela acabou triste dizendo que sabia que estava fazendo uma coisa errada, e de novo eu reforcei que não era errado demonstrar carinho, mas que ela deveria fazer isso de outra forma, até porque escola não é lugar para isso.

Achei que tinha melhorado, porém voltou acontecer situações de beijos entre os colegas. Nós nunca incentivamos isso e abolimos a ideia de dizer que "fulaninho é namorado da fulaninha". Sei que entre eles é pura inocência e amor, mas não devemos incentivar um comportamento erótico que se manifesta através do beijo na boca.

Sei também que a manifestação sexual é normal entre as crianças,faz parte do desenvolvimento das mesmas, das descobertas delas consigo mesma e com o outro. Mas desde cedo elas precisam saber que existem limites.

Maria Helena Vilela*, autora do blog Nova Escola, aborda da seguinte forma: 

"Crianças não namoram, elas se relacionam. Para os pequenos, o outro ainda não tem a importância que o adulto dá. Uma criança não gosta de outra porque sente vontade de beijá-la, abraçá-la ou ser a única companheira de suas brincadeiras. Os pequenos gostam dos outros porque eles demonstram prazer em brincar junto, devolvem seus brinquedos, inventam uma brincadeira divertida, emprestam lápis de cores…."


Já a psicóloga Rosely Sayão** afirma que "Crianças que trocam beijos na boca precisam apenas ser contidas e, ao mesmo tempo, ouvirem as explicações necessárias. Beijo na boca é coisa de namorados. Crianças não namoram."


Confesso que meu esposo se sente um pouco desconfortável com essa situação, mas ainda assim, conversa com ela a respeito sem ser dramático. É um parceirão mesmo na educação de nossas filhas. 

E isso é um ponto importante na educação dos filhos, os pais falarem a mesma linguagem. Nós não nos contradizemos e sempre nos apoiamos. Caso algum de nós tenha exagerado, falamos isso á sós e só entre nós, para que quem exagerou possa rever sua conduta, sem que as filhas percebam.

É claro que esse nosso posicionamento referente aos beijos, pode soar machista, ou mesmo virem me dizer que estamos agindo assim porque são meninas. Sim não temos filhos homens e já encerramos nossa prole, porém estamos criando seres humanos, independente do gênero, os valores são os mesmos. Se eu tivesse  filho menino, ele ia aprender a cozinhar, e secaria a louça e tudo o mais que ele fosse capaz de fazer, assim como as meninas. Aqui elas secam a louça quase sempre e uma tem 4 e a outra tem 6 anos e seus braços são saudáveis, por isso fazem isso e fazem muito bem.

Então independente do gênero educar é sempre um desafio. Precisamos ser firmes, estar ciente dos nossos valores e exigir que nossos filhos cumpram os acordos que são feitos.

Acabei de comprar um livro infantil chamado DE ONDE VEM OS BEIJOS. Comprei pelo site da Saraiva e estou aguardando para saber se é adequado para trabalhar com ela sobre esta questão. 


SINOPSE DO LIVRO: O beijo é uma demonstração de carinho para as pessoas que gostamos. Ele fortalece os laços de amizade e amor. Na história de onde vêm os beijos? Você descobrirá diferentes tipos de beijo, o gosto, a maneira e a forma que cada um é dado. Um livro que encanta por seu texto recheado de carinho, amor e muitos beijinhos.

Nada melhor do que a Literatura para ajudar pais e mães que se sentem perdidos. Eu sempre recorro aos livros, aos textos, pois mesmo sendo mãe há 6 anos, cada dia é uma novidade e nem sempre é agradável, principalmente quando já tratamos o assunto e ele se repete como neste caso.

* Texto tirado do blog da Nova escola (clique aqui para ler na íntegra)
** Texto tirado da Folha UOL (Clique aqui para ler na íntegra)

Maria 

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Festa das meninas 2016 - Parte 2


Esse é o primeiro ano da Giovana na escola, então é também o primeiro ano em que ela tem amigos que são só dela, porém eu ainda não conheço bem as mães, pois não estou nos horários de saída e entrada da escola. Por este motivo convidamos só alguns poucos colegas dela que as mães são minhas colegas também na escola.


A Isabela já tem mais amigos e eu conheço as mães, que são adoráveis, mães maravilhosas que eu fiz questão da presença, pois a amizade se estendeu à nós mães, o que facilitou e também aumentou o número de convidados, pois são todas maravilhosas mesmo!


No primeiro ano da Isabela, fizemos um festão convidamos várias pessoas que hoje nem temos contato e que nunca tiveram contato com ela durante todo o primeiro ano. Depois passamos priorizar os tios e os primos, o que limitava bastante. E a partir deste ano a prioridade foram os amigos delas, pois a festa é para elas. 

E vai ser assim. 
Gostamos de muitas pessoas, temos muitos amigos, mas nossa vida agora é em função delas e da convivência que elas tem com seus amigos, por isso festa de criança tem que ter crianças e muitas!

  

Para Isabela, fiz um bolo de chocolate com recheio de nata e ganache de chocolate meio amargo.


O da Gigi era o mesmo recheio, só mudei um pouquinho a decoração. Simples, básico, as estavam bem gostosos!

Amigos queridos, mães e amigas...



As crianças aproveitaram muito cada cantinho do Kurti Festas!


As crianças grandes também!


Família sempre presente, nossa gratidão é imensa!


E depois em casa a hora de abrir os presentes e ficar feliz com cada um que foi, que se importou e que viveu este dia especial conosco!

GRATIDÃO!


quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Festa das meninas 2016 - Parte 1


Todo ano tenho a preocupação com a festa das meninas. Se vai ser uma festa única, se vai ser individual, se vai ser em casa, enfim. Antes de iniciar o ano eu já me organizo com ideias e com tudo que preciso.

Esse ano estava tudo certo para ser uma festa em casa. Estávamos em obras, então organizei tudo para ser o mais simples possível, mas sempre feito com carinho. Acontece que minhas filhas fazem aniversário no inverno, e aqui no Rio Grande do Sul esse ano o frio tá demais.

Era pra ter sido como foi em 2013 duas festa numa só, em casa, com decorações feitas por mim (veja aqui).

Estava tudo certo, tudo mesmo. Convites entregues, mesas alugadas, brinquedos alugados, mas eu não contava com o friozão que fez. Eu contava em poder usar as mesas no pátio, mas se não pudesse ser assim não caberiam todas as pessoas dentro da minha casa.

Era terça-feira e eu e meu esposo desesperados, então resolvi falar com a Thaisa, proprietária da Casa de Festa Kurti, pioneira aqui em Viamão, se teria alguma possibilidade de fazer nossa festa na sexta. A Thaisa que é um amor de pessoa, deu a maior força pra nós, mesmo tudo em cima da hora. Na quarta assinamos o contrato e avisamos os convidados sobre o local da festa. E no fim, deu tudo errado mas deu tudo certo. Foi perfeito!

Eu lido muito mal com coisas em cima da hora, sem planejamento, mas foi tão legal que foi a melhor coisa que fizemos por elas e por nossos convidados que ficaram bem acomodados e as crianças se divertiram sem pegar frio.

A Isabela queria decoração de Fadas e borboletas. E minha querida e talentosa amiga Daniela Carvalho confeccionou estas lindas fadas pra ela que usamos na decoração.



Usei as fadas para fazer a foto de 6 anos.


A Gigi queria a decoração da Chapeuzinho Vermelho, e o lobo e a Chapeuzinho foram confeccionados pela artesã Sol da página Santa Fofura



E também usei para fazer as fotos dos 4 anos da Gigi



A ideia era fazer um buffet com quitutes caseiros, como se fosse na casa da vovó, Fiz algumas coisas e comprei salgados folhados da Neseli, aqui na minha cidade não provei melhor.

Esses da foto abaixo são dela!


Aqui à esquerda é uma FOCCACIA, que já dei receita aqui. E à direita são pizzas caseiras que minha mãe fez e sempre é sucesso. 


Aqui uns CROSTINIS e alguns ANTEPASTOS que fiz. (Molho de azeitona, Molho de alho, Tomate Confitt, Antepasto de Beringela e  Patê Caseiro de Presunto.


Nesta foto à esquerda uma CUCA DE MAÇÃ e PASTEIS SUÍÇOS que fiz. 



Os Cupcakes de chocolate com recheio de creme de nata e cobertura de creme alpino com crocante.


Os cupcakes foram bem aprovados!


Também fiz grustolli, cachorro quente e docinhos tradicionais (brigadeiro, beijinho, bicho de pé, bombom de leite em pó e musse de limão e de chocolate).

Como o frio é presença confirmada o meu tradicional chá de maçã não poderia faltar.


As donas da festa! Felizes e realizadas pois amam o KURTI FESTAS!


Na próxima postagem falo mais sobre a festa e sobre o espaço Kurti Festas!




terça-feira, 6 de setembro de 2016

COMIDA DIVERTIDA: Os caras malucos



Estou tentando atualizar as comidas divertidas aqui no blog e no face. 
Essa eu fiz em maio (que saudades do calor só ver estas fotos).
Uma vez me disseram assim: Eu não preciso fazer estas frescuras porque minhas filhas comem de tudo. 
EU TAMBÉM NÃO PRECISO. Faço porque QUERO e porque as agrada, e não é todo dia!
Nem sempre tenho saco pra pensar em algo, nem sempre estou à fim de fazer...
Mas quando faço, mesmo que fique esquisito, eu faço com amor. muitas e muitas vezes elas comem alimentos que nem coloquei no prato divertido, mas sempre se encantam e isso vale a atucanação! 

Não vai ser pra sempre, então enquanto eu puder e tiver vontade farei muitas e muitas....

De vez em quando eu invento umas modas, tipo um pic nic no meio da sala com suco de dragão (gelatina) e comida de duende. É tão bobinho, custa tão pouco, mas elas amam... 


Vai passar tão depressa e logo nada disso terá mais graça, então deixa eu aproveitar!

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

BOLO FOFO DE LIMÃO





Passa um café preto que o bolo eu levo....
Olha que bolo fácil e lindo de levar para tomar um café com amigos, família, enfim....

Ingredientes:
- 1 copo de iogurte natural
- Suco de 1 limão grande
- 1/2 copo (do mesmo tamanho do de leite) de óleo
- 1 copos de açúcar
- 2 copos de farinha de trigo
- 3 ovos
- 1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de Preparo:

Bata no liquidificador o iogurte com o suco de 1 limão. Acrescente os demais ingredientes, exceto o fermento e bata bem. Adicione o fermento em pó e misture bem, sem bater.
Leve ao forno pré aquecido por cerca de 30 minutos.
Tire o bolo do forno, e deixe esfriar sobre uma grade. Polvilhe açúcar de confeiteiro com uma peneira para decorar e raspinhas de limão se quiser acentuar o sabor, depois é só fazer um café delicioso...


O bom é que é fácil, e se você quiser adicionar um detalhe, eu coloquei flores de laranjeira, pois as do limoeiro estavam despedaçando.... E fica fofo!


E pra não passar em branco o Dia do Irmão, segue a foto das duas irmazinhas que sou fã:


"Irmãos... um dia você cuida, no outro é cuidado, e é assim a vida inteira..."

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Comida Divertida: Pato do desenho Sarah e o Pato


Dia desses encontrei na página adorável do Coisas da Lara um prato divertido com a Sarah e o pato do desenho. Pois bem eu tentei fazer o pato e deu certo. Estava ansiosa pras meninas chegarem da escola e ver minha obra de arte...

Mas perto do horário delas chegarem, os primos vieram visitar, então eu tive que fazer pato pra todos!


A Andrea Charan autora do blog Coisas da Lara e também desta ideia, ensina o passo a passo no seu livro Descomplicando a Maternidade em com autoria com a também blogueira Ariane Oliveira. Eu ainda não tenho o exemplar, mas já está na lista!



Usei Pão de forma com margarina para fazer o corpo, o bico e os olhos do pato e kiwi para fazer a cabeça. As florzinhas são de beterraba cozida.


A criançada adorou a novidade!

E pra quem não conhece o desenho segue abaixo uma imagem da internet:


A habilidosíssima Andrea também fez a Sarah, mas esta farei outro dia. deixo como sugestão a foto do prato da Andrea que ficou perfeito!





segunda-feira, 22 de agosto de 2016

CONTAGEM REGRESSIVA PARA A FESTA DE ANIVERSÁRIO


Tenho feito contagens regressivas para aniversários e momentos que despertam ansiedade (férias, dia das crianças, natal, páscoa)...

Esse ano para a festa delas montei um painel simples com as personagens "fada" e Chapeuzinho Vermelho", tema da festa delas.

Assim elas assimilam melhor a passagem do tempo, e a expectativa tem coerência, pois nos vêem falando e fazendo coisas da festa...